Tecnologia do Blogger.

Balão Intragástrico




Hoje trago mais uma solução para os nossos problemas que toda gordinha tem!rs
Fazendo pesquisa na internet sobre metodos de emagrecimento encontrei essa solução entre outras que já conhecemos, confesso que tinha ouvido falar,mais nunca me interessei saber do método,mais hoje li a matéria e achei super interessante,sendo que descobri que o preço não é nada agradável e muito menos acessível chega a custar de R$6.000,00 a R$12.000,00, pra essa pessoinha que vos escreve é muito dimdim!=/
Mais é super interessante, e já vou marcar uma consulta com meu Gastro pra vê se meu plano cobre toda a despesa,a final é um tratamento de saúde e não de estética concordam?!

Veja a seguir como funciona :

Balão Intragástrico

É uma prótese de silicone, semelhante a prótese que as mulheres usam para aumentar os seios, porém seu formato  é esférico, possui uma  superfície lisa e apresenta uma válvula por onde é insuflada dentro do estômago do paciente. É conhecido como Bioenterics Intragastric Balloon  ou BIB®.

Qual o objetivo do balão?

A presença do balão dentro do estômago causa uma sensação de plenitude (estômago cheio).  O paciente sente-se satisfeito mais rapidamente quando se alimenta.
Este fenômeno chama-se saciedade precoce. A saciedade precoce é um dos mecanismos utilizados em cirurgias para obesidade como grampeamento do estômago ou  a banda laparoscópica.
Outros métodos cirúrgicos utilizam mecanismos disabsortivos através de um encurtamento do intestino. Estes métodos são indicados em pacientes com obesidade mórbida
Para saber se você está com OBESIDADE MÓRBIDA,  é necessário você saber seu indice de massa corpórea. Faça aqui mesmo no blog, na caixinha aqui do lado!

Mecanismos de ação:
Uma vez inflado dentro do estômago, o BIB estimula receptores do fundo gástrico que sinalizam para o sistema nervoso central (cérebro) provocando uma saciedade precoce. O espaço ocupado pelo balão gástrico também age na diminuição da capacidade do reservatório gástrico. Estes dois mecanismos de ação levam a redução do volume de alimentos ingeridos e a conseqüente diminuição do aporte calórico ocasionando a perda de peso e redução da obesidade.

Como é colocado o balão?
Ao contrário dos outros procedimentos para a obesidade que são cirúrgicos, o balão é colocado através da endoscopia digestiva.
É um procedimento ambulatorial no qual o paciente recebe uma leve sedação.
É realizada uma endoscopia digestiva para acompanhar o posicionamento do balão dentro do estômago, bem como o seu preenchimento.

Balão dentro do Estômago balão intragástrico
observe o balão vazio dentro do estômago a insuflação é lenta e gradual o volume pode variar entre 400 e 700ml visão final do balão já posicionado e totalmente insuflado

O balão é preenchido com soro fisiológico misturado à um corante azul chamado azul de metileno para, no caso do seu rompimento, detectar imediatamente através da urina que terá sua cor alterada para um tom azulado.
Neste caso o balão deverá ser substituído ou retirado, independentemente do tempo em que isto vier a acontecer.

Quais os riscos de colocar o balão?
Uma boa avaliação médica, bem como de toda equipe multidisciplinar miniminizam os riscos da colocação e retirada do balão gástrico, que se equivale a um exame rotineiro de endoscopia.

Vou sentir alguma coisa depois?
É comum o paciente passar por um período de adaptação.
Nas primeiras horas após a colocação do balão gástrico, alguns pacientes apresentam náusea, vômitos e sensação de peso, que podem causar algum desconforto. Todos estes sintomas são minimizados com a prescrição medicamentosa para cada paciente e deve cessar em até 3 dias.

Então é só colocar o balão e emagrecer?
Não existe milagre para a perda de peso e sim a adesão ao tratamento escolhido para obter êxito. Na verdade o balão é como o motor de um carro. Sozinho não faz o carro andar! O automóvel só anda devido a uma engrenagem complexa que impulsiona o seu funcionamento. Haverá uma redução calórica importante na dieta nutricional, orientada para o paciente com mudanças dos hábitos alimentares. É nesta reeducação alimentar que se baseia todo o tratamento do balão intragástrico. É um processo lento, trabalhoso e de muita perseverança que necessita da colaboração e o comprometimento pleno do paciente.

Mas quanto tempo vou ficar com o balão?
A vida média do balão é de 6 meses .

E para retirar o balão?
A retirada do balão é realizada através de endoscopia onde o balão é esvaziado no interior do estômago e retirado com instrumentos especiais através do esôfago. Após, o paciente deve continuar fazendo acompanhado com a equipe multidisciplinar, psicóloga, nutricionista e endocrinologista para a manutenção do peso.

A TÉCNICA DE COLOCAÇÃO DO BALÃO INTRAGÁSTRICO:

O paciente é submetido a uma sedação leve igual ao procedimento de uma endoscopia digestiva. O anestesiologista monitoriza a função cardíaca e respiratória, para seu conforto e segurança durante o procedimento da colocação do balão gástrico.

BIB
O BIB antes de ser colocado


Introduzido por via oral...


até atingir a posição ideal...


quando é insuflado...


faz-se a retirada da sonda...


e o balão fica posicionado
no fundo gástrico.

O BIB flutuando livremente no estômago

O BIB flutuando livremente no estômago.
Um exemplo de sucesso: